outubro 12, 2009

Fim de férias = recomeço do Verão?

Se hoje, em vez das calças de ganga, tivesse vestido o biquini, teria aproveitado da melhor maneira o único dia de férias. Um daqueles termómetros de rua em Sintra marcava trinta e cinco graus e eu, apesar de saber que precisamos dar-lhe desconto, acredito que sim senhor, era efectivamente essa a temperatura. Devo já dizer que fui à Piriquita e provei uma queijada e bem, que desilusão. Tinha um tamanho mínimo, servida num pires sem sequer um guardanapo - estava muito longe da experiência que há tanto tempo me andavam a vender. Sim, eu sou daquelas pessoas que, vivendo em Lisboa, nunca tinha ido a Sintra, pecado pelo qual me penitencio mas que já resolvi.

Mas agora compreendo também o fascínio que as pessoas sentem pela vila e pelos parques, pela floresta quase em estado virgem, pela nobreza da arquitectura, pela tradição do comércio. Preferia voltar lá num dia menos quente, para poder passear sem me saírem os bofes pela boca e sem suar horrores. Mas era o último dia de férias e a companhia era aquela (também conhecida como ideal) e o silêncio que se sentia entre aquelas azinhagas frondosas fez-me esquecer que amanhã volto à vida real, ao trabalho e às primeiras aulas do resto da minha vida. Sobra-me ainda um último dia destes...

3 comentários:

centrípeta disse...

Ainda este Domingo fui a Sintra!!!
Vale a pena seguir os trilhos até ao Castelo dos Mouros. Estão muito bem sinalizados...

Quanto à Piriquita... bom mesmo são os travesseiros!! Há com recheio de doce de ovos e amêndoa, uma verdadeira delícia. E a versão que substitui o doce de ovos por gila. Igualmente bom!!!

Se puderes volta lá... não te desiludirão. Nem no paladar nem no bolso... ;)

**m*

Pilipa disse...

Lá está...devias MESMO ter comido os travesseiros! São TÃO mas TÃO BONS...nhami!

A.P. disse...

Concordo com a Pilipa! :D