março 13, 2010

Aos Sábados ao Sol iii

Desta vez, demos um salto ao Paço d'Arcos, depois de trabalhar umas três horas de manhã, para aproveitar o quê? o terceiro dia de Sol consecutivo? Depois de uma bela açorda de marisco, fomos os cinco caminhar um pouco no novíssimo passeio marítimo quase até Oeiras, abrindo caminho entre patins em linha, bicicletas com rodinhas e carros de bebés. Havia quem já tomasse banho nas praias da linha mas eu não arriscaria tanto: o Sol soube maravilhosamente mas ainda está longe daquele calor estival.

Agora que parece que os enjoos abrandaram definitivamente, sinto-me bastante mais optimista e feliz, especialmente quando posso passar os dias livres na lagartagem. Os meus pais medem-me o estado de saúde pela minha voz ao telefone e realmente tenho andado muito bem disposta. Uma das explicações é, obviamente, a reposição dos níveis de serotonina, ainda que ainda de forma insuficiente. Outra explicação será talvez o facto de ter ouvido pela primeira vez o coração da minha borboletinha de 3cm a bater. A bater não, a cavalgar, talvez por saber que estava a ser observada. Já tenho também as suas primeiras fotografias mas não sei, parece-me que só eu sei exactamente onde está ela/e, porque as imagens são sempre demasiado abstractas. Mas primeira lágrima (de alegria) já cá canta...

3 comentários:

Ana Maria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Maria disse...

Encontrei uma gafe! Pelas minhas contas éramos 6 a caminhar... :)

locusapien disse...

=P