setembro 23, 2006

Good Riddance (Time of your life)


Um dia estava a pensar nos sítios onde gostaria de ir e dei por mim a pensar que o que gostava mesmo mesmo mesmo era de fazer outra road trip. Em 2003 alugámos um carro já em Espanha e estivemos 11 dias a fazer aquilo que nos apetecia, a parar nos sítios mais improváveis e mais turísticos e essas foram umas das melhores férias de sempre. Éramos quatro num Seat Ibiza, a brigar pela música que íamos ouvindo e a tentar não ser esmagados pela bagagem. Não tínhamos nenhum plano em concreto mas sabíamos que existiam 3 ou 4 sítios de paragem obrigatória e por isso não havia a pressão de ter que fazer alguma coisa em especial. Em cada dia conduziam 2 pessoas diferentes, houve até quem sonhasse conduzir em França (desculpa mas sabes que isso foi hilariante) e a quem calhou conduzir apenas em território espanhol. Dormimos nos parques de campismo mais exuberantes com o tempo mais instável da península, tomámos banho em praias verdadeiramente desertas, ficámos deslumbrados com o Guggenheim em Bilbau e com o ar veraneante e francês de San Sebastian. Em Madrid tivemos direito a orquestra sinfónica no parque de campismo, disputámos pacotes de sumo e comemos sandes na viagem toda. Mas quem é que pensa em conforto e estômago cheio quando pode ser totalmente livre?

E por isto tudo, quando há dias pensava no que me apetecia fazer, pensei novamente numa viagem longa. Pensei numa coisa feita sem pressa e sem visitar o óbvio ou o obrigatório. Quando dei por mim, já tinha comprado este guia e outro dos Estados Unidos. Foi a primeira vez que percebi que me sinto atraída pelo país, que sinto vontade de o explorar e de o atravessar. Coast to coast foi o que me veio assim à cabeça. Os guias já estão comprados e em disposição de serem estudados, já comecei as minhas diligências para tentar encontrar os companheiros ideais para uma viagem assim. Só já me faltam os pormenores: muito tempo e muito dinheiro. Já imaginei as bandas sonoras, a pouca bagagem que tenciono levar, o meu deslumbramento. Não interessa que só daqui a muito tempo consiga ir. Não interessa que vá demorar uma eternidade a juntar esta quantidade de dinheiro, que não convença mais ninguém a partilhar este volante comigo. Isto já é um objectivo e com objectivos o caminho é menos duro e menos acidentado. Um dia destes vou estar lá, on the road.

15 comentários:

Anónimo disse...

Thank you!
[url=http://nfummizn.com/wwlf/oana.html]My homepage[/url] | [url=http://xxvihopn.com/hohy/wkyf.html]Cool site[/url]

Anónimo disse...

Well done!
My homepage | Please visit

Anónimo disse...

Nice site!
http://nfummizn.com/wwlf/oana.html | http://bjkizatf.com/rvlz/ltyx.html

Madeline disse...

Deve ter sido problema nos CTT, então. Já há semanas que enviei a minha resposta.. :D

Um dia destes, sim. Uhuh! :D *

pita disse...

se puder e tiver dinherio, tb vou ctg, mita! apesr d o aviao.. enfim.. sigh :S

**

Anónimo disse...

francisca, sabes que podes contar aqui com a francisca....seja quando for!!!!
os EUA e uma viagem assim também me fascinam um bocado.

M disse...

Então vamos começar a pensar em alugar um monovolume. Ou um autocarro :D

Toca a pensar nisso e a juntar o dinheirinho possível. É que eu cá tou a falar muito a sério!

Anónimo disse...

Até o fim de 2008 faço a Route 66. Kerouac no bolso e Hooker no leitor de cd. Uma pessoa no carro.

D.

Lobistico disse...

Também quero!! Só faço um pedido, por favor NÃO paremos num McDonalds :)

M disse...

Achas que, podendo comer aquelas ribs monstruosas ou uma fatia de verdadeira apple pie, íamos parar num McDonalds? :D

unknown disse...

Lol, bem...desejo-vos boa viagem. Pó ano quero é fazer um interrail pela Europa.Viagem sem nada planeado é do melhor.

amigo disse...

julho de 2007, apesar de ja te ter dito que tenho uma fezada nessa viagem que me da arrepios...! uma condicao e uma proposta: ir a seattle e ao quebec, no canada. depois, à chegada a ptg, marcar jantar num restaurante com mesa repleta de minis "ao natural". ahahahahhahh

M disse...

Ui... De cada vez que me lembro dessas cervejas geladas -not- quem se arrepia sou eu :D

tiago disse...

eu quero é descer!!! do Alaska até à Terra do Fogo!!! 3 meses para isso tudo! bora lá?

M disse...

Eu querer queria. Parece-me é que a minha conta bancária não deve querer nos próximos tempos :S