março 27, 2007

Às vezes acontece-me.

Acontece que me canso de meus pés e de minhas unhas,do meu cabelo e até da minha sombra. Acontece que me canso de ser homem [...] *

Um amigo falava-me um dia nas alterações de humor que sentia sempre que fazia uma noitada. A noite em si era de grande euforia e desprendimento, a conversa saía-lhe naturalmente sem qualquer hesitação, nada o fazia sentir incomodado ou inadequado, as pessoas eram interessantes. A esta agitação opunha-se o dia seguinte: a disposição era de tom depressivo, a vontade de estar num quarto sozinho e em silêncio impunha-se, sentia um vazio como se tivesse perdido (mais) uma parte de si. Num espaço de horas, sentia esse pico de euforia e afundava-se abruptamente num estado semi-depressivo, o corpo sem compreender, sem acompanhar o carrossel da mente.

É certo que não me sinto no meio desta montanha russa porque me deitei tarde. Nem porque bebi ou tomei qualquer droga, leve ou dura, excitante ou calmante que me deixasse num indefinido estado de humor. Mas assim estou: a experimentar a descida, a cair sem rede, pela milionésima vez na minha vida. Não sei se estou a cair sozinha ou se fui empurrada. Na semana passada acabou o Sol, a minha chefe castigou-me com exigências impossíveis um comportamento que nunca tive, a minha irmã não conseguiu aquilo por que há muito esperava, faltou-me a inspiração e a coragem. E por momentos não se acredita mais no cheiro a Verão e nem em romances nascidos na minha cabeça (sim, isto vai realmente ser um anúncio de televisão) nem em possibilidades. Nada. Vasculho os cds à procura de música de Verão *, qualquer coisa que seja capaz de me convencer a sossegar, qualquer coisa que cubra o cepticismo. E, guiada pelo post anterior, cheguei à banda sonora d' O Carteiro de Pablo Neruda. E agora, se me dão licença, vou ali ficar triste um bocadinho, que eu cá já aprendi a ser pragmática até com a tristeza.

* podem ouvir o Samuel L. Jackson a dizer este poema aqui.

1 comentário:

pilufa disse...

se tás trista já n me gustinhas..

:(

até eu q sou eu me animo c o sol e assim.. vá láaaaaaaaa!