novembro 13, 2007

Digamos que...

... me sinto um bocado esmagada por esta pressão de ser feliz.

(E que estou um bocado aflita com este nariz quase em ferida e que não pára de me manter acordada durante a noite. E, já agora, acrescento que posso não ser grande fã de crepes com molho de chocolate de leite mas aprecio alguém que tem assunto para mais do que dois dedos de conversa).

2 comentários:

locusapien disse...

qual pressao?

ninguem te que ver feliz pá, nem os teus amigos que te chateiam ou tentam chatear todos os fds. até parece...

tas sempre na mesma, até chateia...

estou ca quando precisares ou ate mesmo quando nao precises, é chao mas nao posso fazer nada.

baci

*abobora menina* disse...

como eu te compreendo!!