maio 04, 2008

Razões (realmente muito) boas para se voltar a casa

As favas com morcela e salada de alface migada da minha avó. Andar treze quilómetros até ao Senhor dos Aflitos entre as sete e as nove e meia da manhã, respirando o cheiro a giestas e rasgando o nevoeiro matinal. A minha outra avó a dizer empalangosa*, referindo-se a uma vizinha que costuma visitá-la durante tempo demais.

*apenas um dos inumeráveis neologismos com que ela constrói diariamente o seu discurso!

5 comentários:

Catarina disse...

empalangosa é muito muito bom!!!! (tenho que perguntar ao meu pai se ele tem essa no livro dele. A tua avó é mesmo portalegrense?

Berlinerin disse...

Nao haja duvida que sao excelentes razoes para voltar. Sobretudo as favas. Da ultima vez que fui a Portugal ate trouxe um saquinho delas! Qual salsichas, qual que. :)

P disse...

na na ni na naaao! empalanganosa n era pa vizinha, oh! era pa ti, por tares assim c o peito à mostra, salvo seja lol

(L)

mafaldinha disse...

Espero não te desiludir, mas "empalagosa" não é um neologismo da tua avó, é uma palavra espanhola que significa chata ou aborrecida. Estas influências linguísticas acontecem muitas vezes em terras perto da fronteira.
Beijinhos (gostei de te ver ainda que tivesse sido a correr)

M. disse...

mafaldinha, obrigada pela achega :) Penso que satisfez a nossa curiosidade e faz todo o sentido... Tenho que andar mais atenta ao que ela diz!

(Catarina, imagina que ela uma vez chamou ao teu irmão Mokambo... Foi de mijar a rir!)